CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

GOVERNO PINÓQUIO

Eu não quero desistir do meu paìs, mas José Socrates e a sua pandilha tudo estão a fazer para que isso aconteça, e acredito que tal como eu, haverá muitos milhares de Portugueses que pensam da mesma maneira. Infelizmente, tudo aponta para que tenhamos de suportar José Sócrates por mais 4 anos, e não é devido ao que de positivo fez durante esta legislatura, mas porque, temos uma oposição, que em muitos momentos consegue ser pior, do que o governo no que toca a transmitir confiança aos Portugueses. É confrangedor, não vermos na oposição um rosto capaz de nos fazer despertar um click de esperança e confiança, e desejar a mudança. Assim, vamos continuar a ter um um Governo, que desde que tomou posse, tem pautado a sua governação á base da mentira, da omissão, da arrogãncia, do clientelismo, do autismo, contribuindo em muito para a situação em que Portugal se encontra. José Socrates têm-se agarrado á crise mundial como a lapa se agarra à rocha, para justificar o estado em que o pais se encontra, mas Sr. P.M. todos sabemos que muito antes de estalar a crise mundial o País já estava numa situação bastante complicada. O nosso país acumula uma divida externa brutal, que não há magalhães que o livre por muito que queira mostrar o contrário, temos sido constantemente enganados com as leituras optimistas que este governo faz para pouco tempo depois se ver que não tinham razão de ser, com o argumento que temos de ser positivistas e ter ambição, o que eu concordo, mas nesta altura, este governo mais parecia o pateta alegre sempre em festa que aproveitava uma qualquer microdécima de crescimento para fazer um carnaval . Estamos todos lembrados da pompa e circunstãncia com que o Governo anunciou, que Portugal seria dos poucos paises da Europa que não entraria em recessão porque estava preparado para isso, para 1 mês e meio depois admitir o contrário, temos o caso do orçamento de estado que foi por toda a gente criticado por ser mais uma vez, demasiado optimista, agora aparece num relampago o orçamento que o governo não quis chamar recteficativo mas complementar, tudo para não terem de admitir que mais uma vez falharam. Não queria deixar de lembrar a guerra fiscal que lançou aos Portugueses primeiro aumentando os impostos, fazendo com que muitas pequenas, médias e micro empresas completamente sufocadas com impostos fossem fechando portas lançando milhares de portugueses no desemprego, muitas dessas empresas credoras do Estado, isto com mais pompa e circunstãncia para anunciar que se iria cumprir o controle do défice e pasme-se , antes do tempo previsto, mas não disse com que custos. Temos uma justiça que pura e simplesmente não funciona, um serviço de saúde pública que deixa muito a desejar , a educação que vive numa guerra permanente, as forças de segurança sem condições para cumprir a sua missão e a cereja no topo do bolo, o dinheiro que não havia para os Portugueses apareceu para salvar os bancos. Positivo tem sido os incentivos ao emprego que o governo tem lançado , mas faço uma pergunta; não teria sido lógico e inteligente ter avançado com estes incentivos à dois anos atrás quando muitos entendidos chamavam á atenção para a situação de dificuldade que as empresas apresentavam? Chega-se á conclusão, que provavelmente a acção fundamentalista do governo na diminuição do défice, fosse de que forma fosse, tem uma contribuição bastante forte para a actual situação que atravessamos. A Crise global que vivemos tem um efeito tremendo mas não justifica, tal como o governo quer fazer crer tudo. Enfim vou parar por aqui que o desabafo já vai longo.

JOY

8 comentários:

António de Almeida disse...

Altamente aconselhavel viajar até à Austrália:

http://aeiou.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/491676

polidor disse...

perde-se, de facto, o estímulo e a vontade de progredir num país que tem sido tão ingrato...
abraço

SILÊNCIO CULPADO disse...

JOY
Apesar de tudo amo o meu País e por isso não me calo, e luto e procuro contribuir com o meu mais que modesto quinhão para que através do esclarecimento as pessoas acordem para a dura realidade que apontas. Não estou tão confiante (e ainda bem) que as eleições venham a ser assim tão favoráveis a José Sócrates. O agravamento acentuado das condições de vida vai fazer mossa até que as eleições se realizem. Isto mesmo sem grandes alternativas.
E esta postagem é por demais elucidativa.

Abraço

Tijoão da Tasca disse...

Grato pela visita amiga ! Será sempre bem vindo, e já tem mesa reservada ! Mas não podemos desistir do nosso país ! Sim porque é nosso !

João Soares disse...

A técnica do Clube Bilderberg consiste em submeter a população e levar a sociedade a uma forte situação de insegurança, angústia e terror, de maneira que as pessoas cheguem a sentir-se tão exaltadas que peçam, aos gritos, uma solução, qualquer que seja. Essa técnica tem sido aplicada aos gangues de rua, às crises financeiras, às drogas e ao actual sistema educacional e prisional. Em relação ao sistema educacional é necessário dar a conhecer que os estudos realizados pelo Clube Bilderberg demonstram que conseguiram diminuir o coeficiente intelectual médio da população. Para conseguir isso não só manipulam as escolas e as empresas, mas também têm se apoiado na arma mais letal que possuem: a televisão e seus programas de baixo nível, para afastar a população de situações estimulantes e conseguir assim entorpecê-la. (in livro Clube Bilderberg, Os Senhores do Mundo. Edição Brasileira )
Ler mais no Bioterra, Dossiê Bilderberg

Chinha disse...

O aliciante neste país deixou de existir.
A vontade de progredir há muito ficou perdida em caminhos poeirentos.

Será que mudará?

Não sei....

Boa semana

bjinho

Carla disse...

a falta de alternativa inquina a democracia e corta aquilo que ela tem de melhor, ou seja a capacidade de existir no panorama política a capacidade de mudança. Em Portugal infelizmente isso não aocntece o que nos faz viver a triste situação de termos um Governo para lá de mediocre e uma oposição que nos faz chorar de tão ineficaz que é.
Alternativas precisam-se com urgência antes que o país abra falência definitiva
beijos

Fábio Savelha disse...

http://karmeting.blogspot.com

Parabéns pelo blog!