CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

LAMENTÀVEL RECUO

( Imagem do blog coisasimplesepequenas.blogspot.com)

A violência doméstica é como todos sabemos uma das chagas sociais que mais tem crescido nos últimos tempos ,o que levou o governo a querer implementar um programa experimental de aplicação de vigilãncia ao agressor através de colocação de pulseiras eléctrónicas que permitiria controlar em tempo real se o agressor mantinha a distância da vitima determinada pelo tribunal.Uma excelente medida pensamos todos nós pela segurança que trazia á vitima uma vez que o agressor estaria controlado 24 horas por dia. Mas e neste pais há sempre um mas é mais que provável que esta medida não vá para a frente e a colocação de pulseiras nos agressores seja substituida pela entrega de telémoveis ás vitimas que em caso de se sentirem ameaçadas pedirão ajuda através do dito télemovel isto se entretanto o agressor lhe der tempo para isso como é lógico e facilmente previsivel,pelo menos para nós. O mais lamentável disto é que a responsabilidade do controle do agressor é assim imputado á vitima que vai continuar a viver no pânico enquanto o agressor passeia incógnito por ai,para além de que há uma pergunta a fazer : Num pais em que o rácio de telémoveis se não me engano é de 2 por habitante para que gastar dinheiro em telemóveis .Aquela que era sem dúvida uma das medidas mais e eficazes e mais promissoras no combate á violência doméstica fica sériamente ferida na sua eficácia devido a motivos orçamentais segundo o governo.

21-12-2007

JOY

9 comentários:

António de Almeida disse...

-Subscrevo-o na integra, duvido da eficácia da distribuição de telemóveis, enquanto as pulseiras electronicas, pelo menos durante algum tempo, poderiam criar um efeito dissuasor no potencial agressor, quiçá até retirar-lhe essa prática.

quintarantino disse...

... ora, então não se vê logo que essa ideia veio do Lacão?

São disse...

Fico muda de espanto e indgnação: mas como é possível que em Portugal se faça tudo ao contrário?!
Bom Natal e melhor 2008!

adrianeites disse...

Feliz Natal!

Miss Vader disse...

Vou censurar aquela imagem, um homem não pode bater na mulher daquela maneira!
Feliz Natal! ;)

avelaneiraflorida disse...

caro Joy,

Não , não é lamentável!!!!
É a total INSANIDADE!!!!
Como é que a vitima se defende??? tem tempo e reflexos para numa situação de pânico teclar o número???? E quem a atende enquanto o telemóvel lhe voa das mãos e se vai estilhaçar contra a parede????
A que realidade mistificada é que chegámos????
E...uma questão insignificante: QUEM PAGA OS CARREGAMENTOS???? A VÍTIMA...não?????
e deixem-me ser mázinha: serão os telemóveis que não deram resultado nas campanhas contra fogos que irão agora ser atribuídos às "vítimas"????

UMA BOA NOITE!!!!
Bjkas, Amigo!!!

Miss Vader disse...

Joy o teu comentário foi apagado porque tive de arranjar um novo vídeo porque editei a mensagem e o vídeo desapareceu.
Desculpa.

Tiago R Cardoso disse...

Quer dizer, quando a vitima estivesse para ser atacada dizia "Um momento faz favor, que eu vou chamar a policia", enfim, que país este, que país este...

Carreira disse...

Desejo um bom Natal ao autor do blogue e a todos os seus leitores.

José Carreira

(www.cegueiralusa.com)