CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

terça-feira, 8 de janeiro de 2008

ESTRADAS DE PORTUGAL E O DESPESISMO



A caminho do trabalho e a ouvir as noticias ,nem queria acreditar no que estava a ouvir , o novo administrador das Estradas de Portugal tinha ordenado que fossem reduzidas as despesas com a frota de automóveis que ronda pasme-se 800 viaturas para cerca 1800 funcionários o que dá maios ou menos 1 carro para cada 2 funcionários , não ,não me enganei ,é isso mesmo 1 carro por cada 2 funcionários, mas não é tudo ,a cada uma das viaturas estava destinado um cartão de combustivel sem limite de abastecimento o que originou que fossem detectados funcionários com gastos de combutivel de cerca de 10.000 euros anuais.Primeira pergunta que me assalta , porque carga de água numa empresa destas 50 % dos funcionários precisa de carro da empresa e respectivo combustivel sem limites ? Almerindo Marques tomou medidas drásticas ordenando que a frota fosse reduzida para metade e que os cartões de combustivel tivessem um plafont de 50 euros mês. Tenho de aplaudir esta atitude do novo Administrador das Estradas de Portugal que deu um excelente exemplo de combate ao despesismo criminoso das anteriores administrações e afirma não ficar por aqui. Em relação á anterior Administração que conduziu a Estradas de Portugal quase a falência técnica que se saiba nenhuma responsabilidade lhe foi imputada o que também é normal neste pais onde os dinheiros públicos são esbanjados de uma forma escândalosa por gestores públicos incompetentes que depois são exonerados com direito a elevadas indemenizações, o que mais provavélmente aqui terá acontecido.Pior do que tudo é que temos a noção que este caso não é caso único haverá outras empresas públicas na mesma situação sem que o governo tome medidas, entretanto nós vamos pagando tudo isto. Até quando ?
08-01-2008
JOY

20 comentários:

David disse...

Caro amigo... voltei!

Comentários em força neste novo ano, já de seguida :)

Um abraço

JOY disse...

Bem vindo companheiro ! dá-lhe com força.

Um abraço
JOY

Laurentina disse...

Óh meninos não digam essas coisas dos moços que isso é mentira!!!

beijão grande

René disse...

E é assim e para isso que servem os nossos dinheiros. Mas quando se trata de fazer funcionar um Estado Social com os seus deveres e obrigações para quem para ele desconta, é o que se vê.

Tiago R Cardoso disse...

vamos ver se arrumação da casa continua, para já esteve muito bem...

António de Almeida disse...

-Defendo a liberalização do estado, só que já me manifestei atrás contra a privatização da empresa E.P., por entender que ela não presta um verdadeiro serviço de mercado, e sim um serviço público, pelo que deve continuar nas mãos do estado. Mas esta empresa é simultaneamente um exemplo do que se passa em diversos sectores da administração pública, se é uma realidade que me lêem regularmente a criticar o estado, não descobrem nas minhas palavras críticas aos funcionários públicos, os menos culpados, e sim aos boys, os que parasitam a máquina através de nomeações partidárias, com ligeiras mudanças na cor, consoante a cor do governo. Mas estes desastres só se passam no sector público, no privado logo seriam considerados ilicitos criminais.

São disse...

Mas alguma vez os altos dirigentes foram, são ou serão responsabilizados, amigo?
E preparemo-nos para pagarmos a indemnização a Paulo Cardoso e a não sei quem mais...
Bom dia!

São disse...

Claro que é Pedroso!!
Peço desculpas.

JOY disse...

Laurentina:
Isso queriam eles,que a malta se cala-se.

René:
O problema , amigo René é que os dinheiros acabam por beneficiar sempre os mesmos .

Tiago:
Vamos vêr, Vamos Vêr.

António e São
Pois ,isso deveria ser assim mas infelismente nem serão sequer chamados a dar explicações .

Cumprimentos a todos
JOY

NuNo_R disse...

mAS O homem ainda só começou a mexer nos de "cima" emais cedo que tarde chegará ao fim dapirâmide hierárquica e tb mexerá nos "pequeninos"...

Mas essas noticias não s~~ao vendivies pois já nos habituámos que quem se lixa sempre é o mexilhão...


abr...prof...

avelaneiraflorida disse...

amigo Joy,

penso ter deixado um comentário antes...mas se calhar "foi-se"... exactamente com uma velocidade igual à que se roda em estradas de "morte" neste nosso ainda país...

A sinistralidade e a falta de respeito de condutores e peões deveriam ser contabilizadas...talvez assim, alguém pensasse duas vezes nos problemas...e não apenas nos cifrões!!!!!!

Bjkas, amigo!!!

quin[tarantino] disse...

Toca no ponto fulcral, caro amigo: peçam-se responsabilidades e obriguem-se os culpados a arcar com as consequências.

JOY disse...

Avelaneiraflorida:

Deveria ser assim amiga ,como dizes ,mas infelizmente não é ,e depois somos confrontados com estas pérolas.

Beijo para ti
JOY

JOY disse...

Quint:
Todos Sabemos que isso não irá acontecer ,cá estaremos nós para pagar o prejuizo originado por esta cambada de parasitas que graças ás clientelas politicas saltita de empresa para empresa pública.

JOY

tagarelas-miamendes disse...

Ola Joy,
E' realmente uma boa medida e como diz e' uma pena que nao hajam mais.
A funcao publica esta cheia, de situacoes semelhantes e todos nos sabemos disso. Os chamados privilegios! Mas coitados, os ordenados ate nem sao grande coisa!

SILÊNCIO CULPADO disse...

JOY
Assim é que é falar. Assim é que é denunciar. Realmente é escabroso como há tanta mordomia neste País para certas pessoas. Tudo isto revela o nosso atraso.
Lembro-me de ter visto numa revista, uma foto da princesa Vitória, herdeira do trono da Suécia, de anorak e ténis numa paragem de autocarro. Muitos ministros em países desenvolvidos vão para o trabalho em transportes públicos. Aqui em Portugal, não. É tudo à tromba estendida. Com o dinheiro dos contribuintes, claro!

JOY disse...

Tagarelas e Silêncio:

É dificil ficar calado parante uma vergonha destas ,numa altura em que o Governo nos suga todos os cêntimos que temos ,vêr estes parasitas a desbundar dinheiro desta maneira .

Cumprimentos
JOY

A Lei da Rolha disse...

Meu caro amigo tocas-te num ponto comum neste país...o despesismo!!!
Jà nada me admira, este país está roto, não...está nú!!!
abraço

Carol disse...

Acho que a "limpeza" já vem tarde... É fundamental que se responsabilizem as pessoas pelos seus actos!

JOY disse...

Lei da Rolha e Carol:

Por este caso podemos ter uma imagem do que se passa em muitas empresas Públicas e na barbaridade de dinheiro que as mesmas têm desbaratado sem que os respectivos Gestores sejam responsabilizados.

JOY